Loading...

Total de visualizações de página

Postagens populares

sábado, 25 de abril de 2015

CONHEÇA AS FUNÇÕES DE CADA CROMOSSOMO HUMANO

Da cor dos olhos à textura da cera de ouvido, os cromossomos são responsáveis por controlar todas as funções do nosso organismo. Eles são formados por DNA, um código químico composto por sequências de bases nitrogenadas. São essas sequências, também conhecidas como genes, que contêm instruções específicas sobre como funcionamos. Até 1990, pouco se sabia sobre esse mecanismo. Isso motivou cientistas do mundo inteiro a iniciarem uma força-tarefa, o Projeto Genoma, para localizar a posição exata dos nossos 20 mil genes dentro dos cromossomos. O projeto, que terminou em 2003, mapeou 70% do código genético humano, o suficiente para identificar o que cada cromossomo controla. Já pensou viver só dez anos? Isso pode rolar se um gene do cromossomo 1 sofrer mutação e causar a progeria, doença rara de envelhecimento precoce. Por outro lado, centros de pesquisa estão coletando genomas de idosos saudáveis com mais de 80 anos para descobrir como a genética contribui para uma vida longa. Mutações podem ser benéficas. Pesquisas indicaram que deformações em um gene do cromossomo 3 podem impedir a entrada do vírus HIV nas células. Hoje, cerca de 5% da população faz parte desse grupo que, mesmo contaminado pelo vírus da aids, nunca irá desenvolver a doença. A chance de ter câncer é influenciada por herança genética, mas o local varia de acordo com o cromossomo afetado. Genes do 13 podem aumentar a tendência a câncer de mama e do 2, de cólon. Doenças como a asma (5) e Alzheimer (1, 14, 19, 21) também estão associadas a mutações genéticas. Um adulto tem 46 cromossomos em cada célula divididos em 23 pares. O excesso (ou a ausência) de cromossomos pode resultar em alterações sérias no organismo. O exemplo mais comum é a síndrome de Down, cujos portadores têm um cromossomo 21 extra. Já na síndrome de Turner, mulheres nascem com um cromossomo X a menos. Há também as síndromes de Klinefelter, de Patatau e de Edwards. O tipo de cera que sai do seu ouvido também é determinado por alterações genéticas, mais precisamente no gene ABCC11 do cromossomo 16. Nos asiáticos, por exemplo, a cera é do tipo seco, enquanto que nos europeus e nos africanos o mais comum é uma cera mais molhada. Os genes controlam todas as nossas características físicas. A altura, por exemplo, é determinada no cromossomo 20. Já a cor dos olhos é tarefa do 15 (olhos castanhos e azuis) ou do 19 (verdes). O cromossomo responsável pela cor da pele (16) não é o mesmo que determina o albinismo, que é a ausência de pigmentação (11 e 15). O transtorno bipolar é, em sua maioria, determinado por uma predisposição genética, assim como a esquizofrenia. Ambos acontecem por disfunções no cromossomo 22 e pesquisas indicam ainda relação entre as duas doenças e o autismo. Filhos de pais esquizofrênicos ou bipolares têm até três vezes mais chances de serem autistas. Já existem aparelhos capazes de fazer o mapeamento genético de uma pessoa e identificar predisposição a algumas doenças. O teste gênico custa até R$ 6 mil. Homens e camundongos têm o mesmo número estimado de genes. Por isso, alguns cientistas sugerem que a complexidade humana não está na quantidade, mas na forma como os genes operam. A terapia gênica promete substituir um gene defeituoso por um gene novo normal, tratando ou até curando doenças. fonte: megaarquivo.com/2015/04/20/11-309-genetica-quais-as-funcoes-de-cada-cromossomo-humano/

CONHEÇA CÂMERA DIGITAL QUE FUNCIONA SEM GASTAR ENERGIA

Este é o sensor CCD customizado, que captura imagens em um ciclo e gera eletricidade em outro.

Sensor híbrido

Engenheiros usaram componentes comuns encontrados em câmeras digitais para criar uma filmadora totalmente auto-alimentada - ela mesma gera a energia necessária ao seu funcionamento. O protótipo produz uma imagem a cada segundo, por tempo indeterminado, bastando que a cena esteja razoavelmente iluminada - ela funciona mesmo em ambientes internos. Isto é possível porque cada pixel da câmera não apenas detecta e mede a luz incidente que irá formar a imagem, como também converte essa luz incidente em energia elétrica. "Uma câmera que pode funcionar como um dispositivo desplugado para sempre - sem qualquer fonte de alimentação externa - será incrivelmente útil. Esperamos que as imagens digitais viabilizem muitos campos emergentes, incluindo dispositivos portáteis, redes de sensores, ambientes inteligentes, a medicina personalizada, bem como a Internet das Coisas," disse o professor Shree Nayar, da Universidade de Colúmbia, nos Estados Unidos.

Câmera e painel solar

Embora as câmeras digitais e os painéis solares tenham finalidades distintas - os sensores CCD das câmeras medem a luz, enquanto as células solares convertem a luz em energia - ambos são construídos essencialmente com os mesmos componentes. Para captar a imagem de uma cena, cada pixel de uma câmera tem um fotodiodo, que produz uma corrente elétrica quando exposto à luz. O fotodiodo capta a luz, mede sua intensidade e passa a informação para que o circuito da máquina construa a imagem. Uma célula solar é também um fotodiodo que faz o mesmo trabalho de converter a luz incidente em energia elétrica, só que, em vez de enviar a informação para compor uma imagem, simplesmente disponibiliza a corrente para uso externo.
Protótipo da câmera, capaz de fazer imagens razoáveis com seu sensor experimental de 1.200 pixels. Em outras palavras, o fotodiodo do pixel da câmara é usado no modo fotocondutor, enquanto o fotodiodo da célula solar é utilizado no modelo fotovoltaico. O que Nayar e seus colegas fizeram foi construir um circuito que alterna o funcionamento dos fotodiodos entre o modo fotovoltaico e o modo fotocondutor. Em um ciclo os pixels são usados para captar a imagem; no ciclo seguinte eles geram energia, e assim sucessivamente, fazendo com que a câmera capture imagens continuamente, gerando sua própria energia.

Câmera eterna

O protótipo, construído com componentes disponíveis comercialmente, possui um sensor de imagem com apenas 30x40 pixels, suficientes para fazer imagens reconhecíveis de uma pessoa. Quando a câmera não está sendo utilizada para captar imagens, ela pode ser ajustada para gerar energia para outros dispositivos - para recarregar um celular ou um relógio, por exemplo. "Acreditamos que nossos resultados são um passo significativo rumo ao desenvolvimento de uma geração inteiramente nova de câmeras que podem funcionar por um longo período - idealmente, para sempre - sem serem alimentadas externamente," finalizou Nayar. fonte: inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=camera-digital-filma-sem-gastar-energia&id=010110150416

COMPÓSITOS AEROESPACIAIS DISPENSAM FORNO

A técnica poderá ser aplicada a qualquer compósito industrial, seja ele usado em aviões, carros ou artigos esportivos. Aquecimento com nanotubos Os materiais compósitos usados para fabricar asas e fuselagens de aviões normalmente são produzidos em fornos industriais gigantescos. Várias camadas de polímero são sobrepostas e submetidas a temperaturas de até 400º C, quando então elas curam, formando um material sólido, resistente e leve. O inconveniente desta abordagem é a exigência de uma grande quantidade de energia, primeiro para aquecer o forno, em seguida o gás em torno dele, e, finalmente, o próprio compósito. Engenheiros aeroespaciais do MIT, nos Estados Unidos, desenvolveram agora um filme de nanotubos de carbono que aquece e solidifica um compósito sem a necessidade desses fornos enormes. O filme de nanotubos funciona como uma espécie de cobertor elétrico, envolvendo completamente a peça, gerando temperaturas elevadas apenas onde elas são necessárias: nos próprios polímeros, para que eles curem.

Autoaquecimento

O grupo testou o revestimento em peças da mesma fibra de carbono utilizada em componentes de aviões, e constataram que o filme de nanotubos cria um compósito tão forte quanto o fabricado nos fornos convencionais - mas utilizando apenas 1% da energia. Segundo eles, a técnica poderá ser aplicada a qualquer compósito industrial, seja ele usado em aviões, carros ou artigos esportivos. "Normalmente, se você quer cozinhar uma fuselagem de um Airbus A350 ou Boeing 787, você precisa de um forno de quatro andares, que custa dezenas de milhões de dólares. Nossa técnica coloca o calor onde ele é necessário, em contato direto com a parte que está sendo montada. Pense nisso como uma pizza com autoaquecimento - em vez de colocá-la no forno, basta ligar a pizza na tomada e ela assa sozinha," disse o professor Brian Wardle, coordenador da equipe. Wardle acrescenta que o filme de nanotubos de carbono é incrivelmente fino e leve e se incorpora à peça que está sendo fabricada, com uma adição de peso insignificante. fonte: inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=compositos-aeroespaciais-dispensam-forno&id=010170150422

DESCOBERTA SOBRE ELETROMAGNETISMO VIABILIZA ANTENAS DENTRO DOS CHIPS

Hoje os chips são menores do que os conectores das antenas - agora a antena inteira cabe dentro do chip.

Descoberta sobre eletromagnetismo

Se a onda tecnológica atual dava a impressão de que já sabíamos tudo sobre o eletromagnetismo e a transmissão de dados por meio de antenas, ficou claro agora que essa era uma suposição ilusória. Uma nova descoberta não apenas complementa e estende as teorias atuais, como também tem implicações práticas imediatas para a melhoria da própria tecnologia, com grande impacto no campo das transmissões via rádio, hoje mais conhecidas pelo termo wireless (sem fios). Físicos acabam de apresentar uma nova descrição da natureza mais íntima do eletromagnetismo que torna possível a construção de antenas pequenas o suficiente para serem inseridas dentro dos chips de computadores, tablets e celulares. E, no nível mais fundamental, a nova descrição alinhava uma ponte entre as teorias da física clássica e da mecânica quântica.

Dimensões das antenas

O entendimento atual das ondas eletromagnéticas vem do trabalho de James Clerk Maxwell, feito há mais de 150 anos, que estabelece que as ondas eletromagnéticas são geradas pela aceleração dos elétrons. Impulsionados por uma corrente elétrica, os elétrons aceleram e geram a radiação eletromagnética, ou ondas de rádio, que podem então ser dispersas pelo espaço através das antenas - a chamada radiação eletromagnética. Ocorre que, para emitir e captar essas ondas, as antenas precisam ter dimensões que são determinadas pelo comprimento das ondas usadas nas transmissões - dimensões estas que são incompatíveis com as dimensões dos circuitos eletrônicos ultraminiaturizados da atualidade. Dhiraj Sinha e Gehan Amaratunga, da Universidade de Cambridge, no Reino Unido, descobriram agora que não precisa ser assim.

Teoria incompleta

Além de permitir fabricar antenas dentro dos próprios chips, a descoberta pode ser o elemento que faltava na teoria eletromagnética. Os físicos sabiam que a teoria de Maxwell era incompleta há várias décadas, desde que foram descobertos materiais conhecidos como sólidos dielétricos, que normalmente agem como isolantes, nos quais os elétrons não estão livres para se mover - mas esses materiais dielétricos geram e emitem radiação eletromagnética. Além disso, o fenômeno da radiação devido à aceleração dos elétrons não tem uma contrapartida na mecânica quântica, onde se assume que os elétrons saltam entre estados discretos de energia. Apesar da incompletude da teoria, isso não impediu que esses materiais fossem usados na prática: os ressonadores dielétricos são a base das antenas dos telefones celulares, por exemplo. Os dois pesquisadores descobriram agora que o fenômeno da radiação eletromagnética não precisa ser gerado apenas pela aceleração dos elétrons: ele é gerado também por um processo chamado quebra de simetria.

Quebra de simetria do campo elétrico

A nova teoria elucida a geração de ondas que se espalham para o ambiente a partir de materiais dielétricos. Em física, a simetria é uma indicação de uma característica constante de um aspecto particular de um sistema. Neste caso em particular, quando os elétrons estão em movimento no material, há uma simetria do campo elétrico. Usando uma película muito fina de material piezoelétrico, a dupla demonstrou que é possível quebrar a simetria do campo elétrico aplicando um tensão assimétrica ao material. Isto gerou uma radiação eletromagnética que se espalha pelo espaço livre ao redor, demonstrando que o material pode funcionar como uma antena mesmo em escalas nanométricas. Assim, a radiação eletromagnética emitida pelos materiais dielétricos é gerada tanto pela aceleração dos elétrons nos eletrodos metálicos conectados a eles, como Maxwell previu, quanto pela quebra de simetria do campo elétrico gerada pela chegada desses elétrons no material isolante. Além de permitir fabricar antenas dentro dos próprios chips, a descoberta pode ser o elemento que faltava na teoria eletromagnética. "Eu não estou sugerindo que nós tenhamos descoberto alguma grande teoria unificadora, mas esses resultados vão ajudar a entender como o eletromagnetismo e a mecânica quântica se cruzam e se juntam. Eles abrem um enorme conjunto de possibilidades a serem exploradas," disse Amaratunga.

Aplicações práticas

A descrição deste novo fenômeno terá efeitos práticos imediatos, não apenas para os telefones celulares e para as redes sem fios, mas também para tecnologias que estão dependendo de um impulso de miniaturização para decolar, como a Internet das Coisas, que depende de transmissores e receptores sem fios muito pequenos - algo limitado pela atual dimensão das antenas. Os materiais piezoelétricos usados no experimento podem ser fabricados na forma de filmes - ou películas muito finas - usando semicondutores como o niobato de lítio, o nitreto de gálio ou o arseneto de gálio, todos bem conhecidos da indústria eletrônica e totalmente integráveis no interior dos chips. Bibliografia: Electromagnetic radiation under explicit symmetry breaking. Dhiraj Sinha, Gehan A. J. Amaratunga. Physical Review Letters. Vol.: Accepted Paper. fonte: inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=descoberta-eletromagnetismo-antenas-dentro-chips&id=010110150420

PESQUISADORES OBSERVAM 2 BURACOS NEGROS SUPERMASSIVOS PRESTES A SE FUNDIR

Conforme duas galáxias entram nos estágios finais de fusão, cientistas têm teorizado que seus buracos negros supermassivos formariam um “binário” – dois buracos negros em uma órbita tão próxima que são gravitacionalmente ligados um ao outro. Em um novo estudo, astrônomos da Universidade de Maryland (EUA) apresentaram evidências diretas de um quasar pulsante, o que pode comprovar a existência desses buracos negros binários. “Acreditamos que observamos dois buracos negros supermassivos em maior proximidade do que nunca. Estes buracos negros podem estar tão próximos que estão emitindo ondas gravitacionais, que foram previstas pela teoria da relatividade geral de Einstein”, explica Suvi Gezari, também da Universidade de Maryland, coautora do trabalho publicado na revista “Astrophysical Journal Letters”. A descoberta pode lançar luz sobre a frequência com que os buracos negros se aproximam o suficiente para formar um binário gravitacionalmente ligado e, eventualmente, se fundir. Os buracos negros tipicamente devoram matéria, que acelera e se aquece, emitindo energia eletromagnética e criando alguns dos pontos mais luminosos no céu, chamados quasares. Quando dois buracos negros orbitam como um binário, absorvem matéria ciclicamente, o que leva os teóricos a preverem que o quasar binário responderia clareando e escurecendo periodicamente.

A metodologia

Os pesquisadores realizaram uma busca sistemática pelos chamados quasares variáveis usando o Telescópio de Pesquisa Panorâmica e Sistema de Resposta Rápida (Pan-STARRS1) de Vistoria de Profundidade Média. Este telescópio fica baseado no Havaí, em Haleakala, e fotografa o mesmo pedaço de céu uma vez a cada três dias, recolhendo centenas de dados para cada objeto ao longo de quatro anos. Nestes dados, a equipe de astrônomos encontrou o quasar PSO J334.2028+01.4075, que tem um grande buraco negro de quase 10 bilhões de massas solares e emite um sinal óptico periódico que se repete a cada 542 dias. O sinal do quasar era incomum porque as curvas de luz da maioria dos quasares são arrítmicos. Para verificar a sua descoberta, a equipe de pesquisa executou rigorosos cálculos e simulações e examinou dados adicionais, incluindo dados fotométricos de outros telescópios e sistemas de monitoramento. “A descoberta de um candidato a sistema compacto binário de buracos negros supermassivos como o PSO J334.2028+01.4075, que parece a uma separação orbital tão pequena, acrescenta ao nosso conhecimento limitado das etapas finais da fusão entre os buracos negros supermassivos”, aponta a estudante de mestrado em astronomia da Universidade de Maryland, Tingting Liu, principal autora do artigo. Os pesquisadores planejam continuar a procurar novos quasares variáveis. A partir de 2023, sua pesquisa poderia ser auxiliada pelo telescópio Synoptic Large Telescope Survey. Espera-se que este aparelho possa fazer o levantamento de uma área muito maior, possibilitando identificar a localização de milhares destes buracos negros supermassivos que estão se fundindo no céu noturno. fonte: https://cmns.umd.edu/news-events/features/2969

DESCOBERTA VIDA ONDE NÃO DEVERIA EXISTIR

A cerca de 100 quilômetros da costa do Oregon, EUA, existe uma cadeia de rochas feitas de carbonatos, ou seja, de material do próprio oceano. Na profundidade de 800 metros a temperatura da água é congelante, e existem rachaduras das quais escapa metano, um gás de efeito estufa. Nesta região que tinha tudo para ser estéril, duas missões, uma utilizando o submarino tripulado Alvin e a outra usando o submarino robô Jason, operados pelo Woods Hole Oceanographic Institution (WHOI), coletaram amostras da rocha próximo das fendas de metano, e de rochas mais distantes. De volta á universidade Caltech, as amostras foram examinadas com microscópios, e as surpresas começaram. As rochas próximas das fendas de metano estavam cheias de colônias de micróbios – bactérias e arqueias, seres unicelulares procariotas (não tem membrana em torno do núcleo) e que não tem nenhuma organela com membranas, provavelmente os seres vivos mais primitivos do nosso planeta. Mas o que fazem estes seres vivos naquela rocha? Aí veio a segunda surpresa, as bactérias e arqueias estavam fazendo a própria rocha. Os cientistas acreditam que elas digerem o metano, e excretam bicarbonatos, que combinam-se com o cálcio marinho e se tornam carbonatos de cálcio, emparedando o micróbio e fazendo as rochas “crescerem”. O metano que emerge das fendas marinhas corresponde a algo entre 6% e 22% de todo metano mundial, e estes micróbios devoram entre 80% e 90% de todo ele. Mas não é só isso que as bactérias e arqueias fazem, aparentemente elas são a base de uma pirâmide alimentar, existem vermes que percorrem as rochas e provavelmente comem estes micróbios. Os cientistas já sabiam que o oceano era um sumidouro de metano, mas até agora acreditava-se que o mesmo ficava preso no sedimento, na forma de hidratos de metanos, mas a nova descoberta parece indicar que o mesmo está indo para as próprias rochas da região. Tudo isso acontecendo a 800 metros de profundidade, na escuridão e frio que dominam o fundo do mar. FONTE: livescience.com/48284-life-discovered-in-deep-sea-rocks.html

CONHEÇA 6 DICAS PARA NÃO NAUFRAGAR SEU RELACIONAMENTO

Não há nenhuma fórmula de sucesso para um relacionamento perfeito. No entanto, cientistas têm estudado muito sobre casais bem sucedidos. Relações são diferentes umas das outras, mas podemos tirar um monte de informações daquelas que sabemos que funcionam. Ao longo dos anos, esses estudos apresentam algumas tendências que nos ajudam a compreender melhor o que diferencia um relacionamento duradouro de um que termina rapidamente. A maioria das coisas é apenas bom senso, mas isso não significa que nós não precisamos de um lembrete ocasional.

1. Não seja um idiota egoísta

Para cada estudo sobre questões como sexo, positividade e tudo o mais, há um monte de investigação sobre as minúcias do que faz um relacionamento bem sucedido. Para resumir, a maior parte desta pesquisa é bastante simples: não seja um idiota egoísta. Aqui estão apenas algumas coisas que as pesquisas – e a realidade – dizem que você deve fazer: # Contribua com as tarefas domésticas: Em um estudo de pequena escala, pesquisadores da Universidade da Califórnia (EUA) rastrearam a vida de várias relações ao longo de 4 anos. Suas conclusões? Casais que têm um sistema para lidar com as tarefas domésticas e que cuidam uniformemente delas são muito mais felizes. Então, quando seu parceiro ou parceira sugere que você lave os pratos de vez em quando, apenas lave. # Pare de desperdiçar sua vida jogando videogame: Jogar videogame é muito legal, e até mesmo jogar excessivamente não tem um efeito negativo nos relacionamentos. No entanto, uma pesquisa realizada por pesquisadores da Universidade Brigham Young, nos EUA, descobriu que quando o jogo afeta a rotina de um relacionamento, isso pode causar problemas. Como, por exemplo, quando um dos dois fica acordado até tarde jogando, falta a atividades sociais, ou qualquer outra coisa do tipo. O jogo não é o culpado aqui, porém, a lição é que qualquer hobby que perturba sua rotina vai causar problemas. # Pare de discutir os problemas por mensagens de texto: A tecnologia é maravilhosa, mas um estudo identificou que os casais que lidam com brigas em mensagens de texto têm uma relação de qualidade inferior. Isso significa que os casais que usaram mensagens de texto para pedir desculpas ou lidar com as diferenças em vez de ter conversas cara a cara tendem a relatar infelicidade. Dito isto, mensagens positivas, como um ocasional “eu te amo”, ainda são ótimos, basta parar de tentar resolver as coisas complicadas por SMS ou Whatsapp. # Repense seus hábitos alcoólicos: Se você costuma beber bastante e seu parceiro ou parceira não, existem grandes chances de vocês já terem tido um punhado de brigas sobre o assunto. Acontece que estudos mostram que, quando uma pessoa bebe e a outra não, o problema persiste. Quer uma boa notícia? Casais que bebem juntos são tão propensos a ter um relacionamento bem sucedido quanto casais que não bebem. E não é só sobre a bebida. Outro estudo sugere que as diferenças entre os cônjuges sobre alimentação e tabagismo causam problemas semelhantes. Obviamente, isso não é tudo. Como já foi dito, não existe fórmula mágica. Além disso, outros estudos mostram que outros aspectos da vida a dois são tão importantes quanto estes mostrados aqui, mas são mais difíceis de se fazer algo a respeito. Por exemplo, alguns estudos têm mostrado que os filhos tornam os casais menos felizes, mas há evidência do contrário também – de crianças de fato tornando seus pais mais felizes dentro do relacionamento. Da mesma forma, os efeitos da convivência, orientação sexual, a ordem de nascimento, educação, idade e muitas outras coisas são fatores importantes para relacionamentos bem sucedidos. Um monte disso está além do nosso controle, e ao mesmo tempo que são coisas interessantes a nível das ciências sociais, não há nada que possamos realmente tirar delas. Mas a ideia geral desses estudos é simples: ser agradável, manter as linhas de comunicação abertas, e fazer um esforço para fazer as coisas que importam. Esta é a ciência por trás de um relacionamento sólido, mas ela por si só não faz nada. Às vezes, os relacionamentos são muito mais do que ciência.

2. Sexo é importante

Como seria de esperar, uma série de estudos mostram que os casais que fazem sexo pelo menos 2 a 3 vezes por semana são mais felizes com o relacionamento. Sem rodeios, independentemente da idade, quanto mais sexo você faz, maior é o nível de satisfação com o relacionamento. A questão é arranjar tempo para isso. Com todas as atividades da vida moderna, conseguir tempo para fazer sexo tem se tornado cada vez mais raro, ainda mais sexo de boa qualidade. Anthony Lyons, pesquisador da Universidade La Trobe, na Austrália, afirma que os casais precisam aprender a se comunicar sobre suas necessidades sexuais ou suas razões para não querer sexo. “Os casais precisam conversar sobre a frequência das relações sexuais”, diz Lyons. “Falar abertamente sobre sexo e encontrar um meio termo em relação à frequência parece ser muito importante para a satisfação sexual e do relacionamento em geral”, pondera. Pode parecer bobagem fazer algo como programar um tempo para a intimidade, mas é importante abrir o diálogo sobre sua vida sexual e dedicar algum tempo para ficar apenas um com o outro.

3. Experimente coisas novas constantemente

Assim como na maioria dos aspectos da vida, tendemos a ficar presos em nossos hábitos nos nossos relacionamentos. Quando isso acontece, as coisas começam a ficar um pouco chatas. Estudos mostram que os casais que tentam coisas novas com regularidade têm relacionamentos mais felizes. Em uma série de experimentos, alguns casais tiveram como atribuição uma tarefa mundana que envolvia simplesmente andar para trás e para a frente dentro de um quarto. Outros casais, no entanto, faziam parte de um exercício mais desafiador – seus pulsos e tornozelos foram unidos enquanto eles também deveriam andar para frente e para trás, mas empurrando uma bola. Antes e após o exercício, os casais foram perguntados sobre coisas como: “Quão entediado você está com seu relacionamento atual?”. Os casais que participaram das atividades mais desafiadoras e excitantes mostraram aumentos maiores no amor e na satisfação, enquanto os casais que realizaram a tarefa mais fácil não mostraram alterações significativas. Isto também significa apenas que é importante se divertir juntos. Pesquisa da Universidade de Denver mostra que casais que passam tempo em atividades divertidas tendem a permanecer juntos por mais tempo. “Quanto mais você investir em diversão e amizade e estar lá para o seu parceiro, mais feliz o relacionamento vai ser ao longo do tempo”, diz Howard Markman, psicólogo que codirige o centro da universidade para estudos conjugais e familiares. “A correlação entre diversão e felicidade conjugal é alta e significativa”, compara ele. Essas novas experiências também têm um efeito positivo sobre a sua percepção de tempo e tendem a ajudá-lo a lidar com mudanças inesperadas.

4. Mantenha amizades fortes fora do seu relacionamento

Quando você está em um relacionamento, muitas vezes é mais fácil fazer tudo com a outra pessoa. Isso é ótimo, mas é importante manter amizades fora disso. Várias pesquisas mostram que casais felizes mantêm amizades e hobbies fora do relacionamento. Você não quer gastar todo o seu tempo com uma pessoa, e você quer conversar com outras pessoas, até para não deixar todo o fardo de seus problemas e da sua vida nas costas de uma só pessoa. A escritora Tara Parker-Pope coloca bem em seu livro “For Better” (Para Melhor, em tradução livre): “A maneira de fortalecer um casamento é colocar menos exigências emocionais no cônjuges. Isso não significa perder a intimidade emocional com o seu marido ou esposa. Significa apenas que os casais têm muito a ganhar com o fortalecimento de suas relações com os membros da família e amigos. Os casais mais felizes são aqueles que têm interesses e apoio para além do casal”. Claro, fazer e manter amigos é um trabalho árduo, mas faça um esforço para manter essas relações fortes, se você quer que seu relacionamento romântico dure.

5. Comunique-se corretamente

Sem surpresa, os estudos mostram que os conflitos sobre dinheiro e má comunicação lideram os problemas de relacionamentos de casais infelizes mais do que quase qualquer outra coisa. Infelizmente, lidar com esses tipos de problema é difícil. A boa comunicação exige esforço, é difícil e nem sempre corre bem. Mas quando você deixa as coisas pequenas durarem para sempre e não se comunica, surgem problemas. Estudos mostram que normalmente é o dinheiro que leva a esta falha, mas todo relacionamento tem seu próprio conjunto de questões que precisam ser trabalhadas.

6. Positividade é mais importante do que você pensa

Não é surpreendente que uma pessoa mais positiva provavelmente vá ser feliz em seus relacionamentos. O que é interessante é o quanto isso é importante. Em um estudo da Universidade de Chicago, os pesquisadores descobriram que quando o marido tem um alto nível de positividade, há menos conflito em seu relacionamento. Da mesma forma, o modo como parceiros respondem a boas notícias vindas do outro também é essencial. Em um estudo publicado no The Journal of Personality and Social Psychology, os pesquisadores descobriram que a forma como os casais reagem a boas notícias, seja com emoção, orgulho ou indiferença, é crucial na formação de uma forte ligação. É claro que você não precisa achar que tudo está sempre muito bem. Apenas certifique-se de mostrar um pouco de alegria quando o seu parceiro for bem-sucedido em alguma coisa. FONTE: lifehacker.com/what-research-tells-us-about-the-most-successful-relati-1552386916

CONHEÇA 5 COISAS INSIGNIFICANTES QUE PODEM DEFINIR A SUA VIDA SEXUAL

Namoros e relacionamentos não são fáceis. Você pode fazer tudo certo e ainda assim acabar sozinho. Isto porque o caminho para um relacionamento bem sucedido é tão mal sinalizado, cheio de buracos e com curvas perigosas que é bastante surpreendente que a raça humana não tenha desistido e sido extinta há milênios. E quanto mais a ciência pesquisa a respeito do assunto, mais encontra fatos que nós não fazíamos ideia que tinham influência sobre a nossa relação com as outras pessoas. Os cinco exemplos abaixo mostram detalhes da nossa vida corriqueira que influenciam bastante se, ou com quem, a gente transa.

5. Um homem pode ter problemas de ereção se a sua parceira for muito próxima dos amigos dele

Para muitos homens heterossexuais, a namorada ideal é aquela que não só é completamente desencanada em relação aos seus passatempos e vícios, mas também aquela que se dá bem e adora sair com todos os amigos dele. Mas é aí que uma coisa estranha pode acontecer: o cara – que recebe exatamente o que quer – de repente percebe que sua vontade sexual discorda. O fenômeno é conhecido como “Partner Betweenness” e tem a ver com os papéis de gênero tradicionais (também conhecidos como aqueles em que a mulher deve submissão ao homem). Em outras palavras, tem a ver com o quanto o homem se sente no controle da mulher. Não que ele automaticamente acredite que ela está traindo ele com todos esses caras – como tudo relacionado com o sexo e relacionamentos, é mais complicado do que isso. Há um grupo inteiro de regras complexas e não ditas em qualquer rede de relacionamentos e essas regras nos seguem em todos os lugares, incluindo o quarto. O que a pesquisa aponta é que os homens são ensinados a conseguir três coisas no seu relacionamento com uma mulher: autonomia, privacidade e controle. Ela pode ser membro do grupo de amizade, mas que fique bem claro que ela “pertence” ao parceiro. Se ela tem mais contato do que ele com seus amigos – mesmo não sendo sexual -, essas três coisas ficam ameaçadas e ele se sente menos homem. Quão menos? O suficiente para aumentar as chances de uma disfunção erétil em 92%. Isso não afeta todos (a estimativa é de 25% dos homens), e é algo que fica melhor com a idade e maturidade, conforme o cidadão lentamente percebe que grande parte do que ele ouviu falar sobre masculinidade era um monte de besteira dita por adultos inseguros e machistas.

4. O tamanho e o custo da festa de casamento afeta a relação (mas não como você imagina)

Se os nossos estereótipos não estiverem enganados (spoiler: eles estão), todas as mulheres sonham com um casamento perfeito, com uma festa enorme, uma decoração fantástica, pombas voando e o noivo chegando montado em um cavalo branco. Enquanto isso, o homem estereotipado ficaria feliz com um casamento que se resumisse a alterar o status do Facebook para “casado”. Afinal, por que ter todo esse trabalho quando nada disso importa no longo prazo? Na verdade, importa, e por algumas razões. O Instituto Nacional do Casamento dos EUA descobriu que pessoas que têm casamentos maiores têm um nível superior de satisfação ao longo dos primeiros cinco anos – e quando falamos em “maior”, estamos puramente medindo o número de convidados, não o custo. Esse resultado é apoiado por outro estudo que mostra que quando maior o casamento, menos provável de levar ao divórcio. Casamentos com apenas de uma a dez pessoas de testemunhas têm quase três vezes mais chances de terminar em divórcio do que casamentos com mais de 200 convidados. Até mesmo um casamento de tamanho decente, com um número de convidados entre 11 e 50, ainda é duas vezes mais provável que acabe em divórcio em comparação com o supercasamento de mais de 200 pessoas. A teoria é que casamentos maiores dão ao casal um suporte maior – ou pressão maior, se você preferir – para ficar juntos. Em outras palavras, você investiu em seu relacionamento, e você quer proteger o seu investimento. “Tudo bem”, você diz. “Então, a solução para uma relação eternamente funcional é gastar um monte de dinheiro em um grande casamento. Isso é péssimo, mas hey, pelo menos sabemos que existe uma solução. Isso tem que contar para alguma coisa”. Errado. Surpreendentemente, gastar todo o seu dinheiro – e potencialmente o dos seus pais e o dos seus sogros – em uma grande festa não é a melhor maneira de entrar na vida “eternamente junta”, também. O mesmo estudo aponta que, quanto mais você gastar em seu casamento, mais chances você tem de acabar divorciando. Casamentos que custam menos de mil dólares têm cerca de metade da probabilidade de terminar em divórcio do que aqueles que custam entre 5 mil a 10 mil dólares, que por sua vez, têm cerca de dois terços da probabilidade de terminar em divórcio do que casamentos que custam mais de US$ 20 mil. A lição é clara: se você quer um casamento infalível estatisticamente, convide cada pessoa que você conhece e mantenha uma meta orçamentária baixa.

3. Um estilo só é sexy até que todo mundo comece a imitá-lo

Vamos usar a barba como exemplo. Se você acha que barbas são incríveis, você está com sorte, porque aparentemente boa parte das pessoas em todo o mundo está achando o mesmo. Mas a ciência diz que, assim que o nível de barbas do planeta aumentar demais, nós estaremos arruinando o charme da barba. Um estudo de 2013 descobriu que as mulheres apontam os homens com a barba por fazer como os mais atraentes, deixando para trás tanto aqueles com uma barba cheia quanto os que raspam tudo. Outra pesquisa, ainda mais recente, de 2014, indica que as mulheres acham tanto barbas por fazer quanto cheias preferíveis à falta total de pelos faciais. No entanto, há um problema: isso só funciona quando barbas são raras. Os pesquisadores descobriram que, apesar das mulheres ainda poderem achar barbas atraentes, essa característica só pode ser sexualmente desencadeada quando a maioria dos homens não têm barbas. Aí está o paradoxo. Nós tendemos a julgar a atratividade de uma pessoa comparando-a com os outros. Ao ostentar um visual popular e comum, um cara pode estar sinalizando que não tem nada de especial, no final das contas. Basicamente, você tem que entrar na onda quando ela ainda está em ascensão, mas cair fora antes que cada festa pareça uma convenção de sósias do ZZ Top.

2. A volta do desejo sexual perdido pode levar ao divórcio

Embora as pílulas contra a disfunção erétil, como o Viagra, tendam a ser vistas como uma coisa maravilhosa, a proeza da volta da ereção perdida traz muitas armadilhas, mesmo se você for completamente fiel ao seu cônjuge. Na verdade, de acordo com um estudo feito pela Escola de Medicina de Harvard, usar Viagra pode realmente aumentar as chances de divórcio. Não há números específicos, mas conselheiros matrimoniais insistem que há um padrão. O problema é que mudanças bruscas nos níveis de libido podem levar a sentimentos de mágoa e ressentimento. Especialmente em casais mais velhos, nos quais a mulher terá perdido parte de seu próprio desejo sexual, um interesse renovado do marido pode alimentar discussões sobre questões sexuais que eles têm ignorado nos últimos anos. Ele pode ter tido problemas para fazer a coisa funcionar, mas ela pode ter estado ok com isso. Como resultado, ela pode não receber muito bem o retorno de sexo regular, especialmente se as tradicionais relações de meia hora dos dois se tornaram longas sessões quimicamente induzidas de horas de sexo selvagem. Os médicos advertem que pílulas para melhorar o desempenho devem ser tomadas acompanhadas de uma comunicação aberta. Afinal, sexo é uma coisa que ambos os lados devem se beneficiar.

1. Nosso olfato controla a atração de muitas maneiras bizarras

Como a indústria do perfume faz questão de nos lembrar, o sentido do olfato desempenha um papel importante na atração. Nós sabemos, por exemplo, que o aroma natural de uma pessoa ajuda o nosso subconsciente a decidir se podemos fazer bebês saudáveis ​​com ele ou ela. O que você pode não perceber, no entanto, é quão grande é o papel que seu nariz desempenha no jogo dos relacionamentos. A ciência já começou a descobrir que o cheiro não é um ator unidimensional em sua vida amorosa, mas sim um diretor particularmente obscuro, manipulando você a conseguir o efeito desejado, como um Stanley Kubrick olfativo. E nós estamos falando de manipulação mesmo. Para começar, o seu olfato pode levá-lo a acreditar que as pessoas são mais ou menos bonitas do que elas realmente são. Ele não se importa também se a fonte da atração é natural ou artificial. Segundo algumas pesquisas, um bom perfume pode fazer o rosto do usuário parecer mais atraente para quem está cheirando – assim como um perfume ruim provavelmente têm o efeito oposto. E isso é apenas o começo dos muitos superpoderes nasais relacionados com relacionamentos que todos nós temos, estejamos conscientes disso ou não. Muitos animais usam o cheiro como forma de comunicação e há uma quantidade crescente de evidências que, apesar de nossos cérebros tenderem a manter isso em um nível subconsciente, os humanos não são diferentes. Homens cujo olfato não funciona direito tendem a ter menos relacionamentos, enquanto as mulheres tendem a ser mais inseguras neles quando não sentem cheiros apropriadamente. Isso pode ser porque o nariz é uma ferramenta muito significativa para os relacionamentos: quanto mais longo for um relacionamento, mais precisamente cada indivíduo pode dizer se o seu parceiro está relaxado ou estressado apenas pelo cheiro do suor da outra pessoa. Narizes femininos são particularmente bons em farejar potenciais problemas de relacionamento. Em uma relação heterossexual, elas conseguem detectar de forma confiável medo, nojo e excitação sexual pelo cheiro de um homem. Talvez como o exemplo mais estranho, os resultados de um estudo de 2014 sugerem que nós somos capazes de reconhecer convicções políticas das pessoas a partir de seus odores corporais e gravitamos em torno daqueles com ideias mais próximas das nossas. Aliás, há a tese de que muitos cheiros que caracterizam emoções são altamente contagiosos, o que pode ser a nossa forma de comunicar emoções rapidamente em grandes multidões. Sim, a ciência está dizendo que a humanidade é basicamente uma colmeia inconsciente de suor. fonte: cracked.com/article_22300_5-insignificant-things-that-can-fix-or-end-your-love-life.html

DESCOBERTO PÉ HUMANO GIGANTE DE 200 MILHÕES DE ANOS NA ÁFRICA DO SUL

Michael Tellinger mostra o que poderia ser uma das melhores peças de evidência de que havia gigantes na Terra a um longo, longo tempo atrás. Os geólogos têm se maravilhado com esta cópia de pé gigante em granito bruto, cerca de 4 metros de comprimento. Alguns ainda dizem que é um padrão de erosão natural. Prof Pieter Wagener da UPE, sugere que "há uma maior probabilidade de que os homenzinhos verdes tenham chegado aqui a partir do espaço do que ser criado por uma erosão natural". Ele está localizado na África do Sul, perto da cidade de Mpaluzi , na fronteira com a Suazilândia. É estimada entre 200 milhões e 3 bilhões de anos por causa da nossa compreensão atual da formação dos granitos na história da Terra. Esta datação imediatamente provoca grande debate e argumentação ao menter aberta e focada nas provas. Esta pegada incrível em granito foi descoberto em 1912 por um caçador chamado Stoffel Coetzee, enquanto caçava nesta área remota da África do Sul conhecido como o Transvaal oriental, cheias de vida selvagem, incluindo antílopes e leões. A descoberta permanece na mesma condição como era quando descoberto pela primeira vez e a possibilidade de que este seria um hoax esculpido é extremamente baixa devido à sua localização remota. Ainda hoje, é difícil de encontrar. FONTE: arquivoufo.com.br/2012/01/11/p-humano-gigante-de-200-milhes-de-anos-na-frica-do-sul/

OS EVENTOS PARANORMAIS DO VOO AIRLINES 401

Os eventos paranormais do Voo AirLines 401, Quando as pessoas pensam em fantasmas, talvez, provavelmente vem a mente pensamentos de casas antigas em ruínas, prédios decadentes com janelas escuras e assustadoras, estradas desoladas. Lugares como estes têm sido o ponto crucial de histórias de fantasmas assustadoras e filmes de terror, mas talvez um dos casos mais arrepiantes e mais amplamente documentados de encontros fantasmagóricos não originários em qualquer … um destes locais típicos assombrado, mas sim no céu sobre nossas cabeças . Parece que quando se trata de fenômenos inexplicáveis ??fantasmagóricos, o céu é o limite, para que nós estamos prestes a ver aviões também não estão isentos de tornar as assombrações dos espíritos misteriosos além da terra dos viventes. A história começa com a malfadada Eastern Air Lines Voo 401, que era um jato Lockheed L-1011-1 Tristar, pilotado pelo piloto Bob Loft, um veterano com mais de 30 anos de experiência de voo, que estava acompanhado pelo Primeiro Oficial Albert John Stockstill , um engenheiro de voo Donald Louis ‘Don’, e 10 assistentes de voo. Em 29 de dezembro de 1972 o voo 401 estava a caminho do Aeroporto Internacional de Miami depois de partir do Aeroporto Internacional John F. Kennedy, em Nova York às 9:20 PM com 163 passageiros sobre o que era um voo livre de rotina aparentemente sem problema, quando o pesadelo horrível começou da mesma maneira que o avião estava se aproximando de seu destino final.
À medida que o avião se aproximava do aeroporto Internacional de Miami às 11:32 e a tripulação preparava-se para o pouso, o primeiro oficial Stockstill notou que a luz indicadora do trem de pouso, que deveria alertar a tripulação de voo que o trem estava com o nariz na posição de bloqueio para baixo, não tinha iluminado . A tripulação preocupado decidiu mexer no o trem de pouso manualmente várias vezes, no entanto, o indicador luminoso verde ainda não ligava. Não tendo sido capaz de obter a luz de confirmação desejado para o trem de pouso, Loft abandonou sua abordagem e passou um sinal de rádio para a torre de voo para explicar a situação, após o qual o avião foi colocado em um padrão de exploração ao longo dos Everglades próximas até que o problema podesse ser resolvido . Quando o avião cruzou seu padrão de exploração a uma altitude de 2000 pés, o piloto automático foi acionado, a tripulação desmantelou a luz tentando discernir a causa. Enquanto isso, o engenheiro de voo Repo investigou o trem de pouso visualmente através de uma vigia para ver se estava realmente para baixo, apesar da falta da luz de aviso indicadora. Enquanto tudo isso estava acontecendo e a tripulação estava distraído com a luz do trem de pouso que mal funcionava, ninguém percebeu que o avião gradualmente perdia altitude, devido ao fato de que alguém por um descuido desligou o piloto automático. A distração, além do fato de que não havia luzes ou quadros visuais de referência dentro do deserto escurecido abaixo, impediu ninguém a visão da situação realmente chocante e perigosamente que o avião estava. No momento em que a discrepância altitude foi notada pela tripulação, já era tarde demais. Voo 401 chocou-se com o pantanal abaixo a uma velocidade de 227 quilômetros por hora, e a fuselagem se desintegrou a medida que ele atravessou o pântano e grama, vomitando fogo ardente combustível de aviação. O Primeiro Oficial Stockstill morreu no impacto, e, apesar do piloto Robert Loft e o engenheiro de voo Donald Repo inicialmente sobreviver ao acidente, Loft morreu enquanto era retirado dos destroços e o Repo não resistiu aos ferimentos graves mais tarde em um hospital. No total, 97 dos 163 passageiros morreram no acidente horrível, bem como 2 dos 10 comissários de bordo, tornando o incidente, o segundo pior desastre de aeronave na história dos Estados Unidos. Não muito tempo depois do acidente, histórias estranhas começaram a circular entre a comunidade e a companhia aérea de encontros fantasmagóricos com a tripulação do vôo 401. Ambas as tripulações de voo e os passageiros de outros voos a bordo de vários jatos L-1011 Tristar orientais começaram a relatar avistamentos misteriosos do piloto falecido Robert Loft e o engenheiro de voo Donald Repo, sob uma variedade de circunstâncias estranhas. Ambos os homens mortos eram frequentemente vistos por tripulantes e passageiros de pé nos corredores, sentados em bancos, em banheiros, e até mesmo na cozinha ou cockpit. Um relato assustador aconteceu quando um passageiro do sexo feminino notou um pálido olhar de um homem aparentemente atordoado e sem resposta em um dos assentos e tornou-se preocupado com a sua saúde. Ela chamou a comissária de bordo para expressar suas preocupações sobre o passageiro doente quando de repente o homem misterioso desapareceu, levando o testemunho original para o pânico que ela teve de ser contida. Mais tarde, quando a mulher havia se recuperado de sua histeria e foi mostrado imagens de várias pessoas da companhia aérea, ela reconheceu imediatamente Repo como o homem que ela tinha visto. Em outra ocasião, o piloto e dois assistentes de voo em outro voo viram Loft vagando ao redor do avião antes da descolagem e até mesmo falando com as pessoas antes de desaparecer no ar, deixando a tripulação surpresa e um tanto abalada que o voo teve de ser cancelado. Um relatório descreve como uma aeromoça viu um engenheiro de voo, que a mandou fixar o forno na cozinha, no entanto, mais tarde, o engenheiro de voo insistiu que ele não tinha fixado o forno, nem mandou ser fixo, e que ele era o único engenheiro a bordo. A atendente mais tarde reconheceria a partir de fotos que o homem que ela tinha visto tinha sido Repo. Em outra ocasião, um piloto de outro voo ouviu um som estranho vindo de um compartimento abaixo do cockpit.Pensando que poderia ser indicativo de algum problema mecânico, ele abriu o compartimento e foi surpreendido por Repo agachado abaixo, olhando para ele e as trevas. Quando o piloto fantasmagórico desapareceu e o compartimento foi investigada, tornou-se evidente que houve de fato uma avaria que poderia ter potencialmente levaram a complicações no voo. Em numerosas ocasiões, os fantasmas do Loft e Repo foram relatados como falando diretamente para a tripulação de voo, comissários de bordo, e os passageiros. Um tal incidente ocorreu quando um engenheiro de voo L-1011 estava passando cheques pré-voo, antes da descolagem e Repo apareceu ao lado do homem compreensivelmente assustado. O fantasma de Repo teria dito a ele: “Você não tem que se preocupar com o pré-voo, eu já fiz isso,” antes de desaparecer diante de seus olhos. Outro caso ocorreram a bordo do voo da Tri-Star 318, quando uma aeromoça viu Repo olhando para ela do forno. A atendente aterrorizada alertou outros membros da tripulação, dos quais dois vieram correndo para ver a aparição por si. O engenheiro de voo a bordo do voo tinha conhecido Repo e reconheceu-o de imediato. Repo então supostamente falou-lhes, dizendo: “Cuidado com fogo neste avião.” O avião viria a ser assolado por graves problemas de motor que estavam de fato sido causados por um incêndio e que eram graves o suficiente para exigir o cancelamento da última etapa da vôo. Em mais um incidente, ninguém menos que o vice-presidente do próprio Eastern Airlines teve um encontro fantasmagórico quando ele começou uma conversa com um homem uniformizado sentado ao seu lado na primeira classe, assumindo que ele era o capitão do voo. Para horror do executivo, ele lentamente deu conta de que o homem que ele estava falando não era outro senão o falecido Robert Loft. Em outra ocasião, Repo supostamente se materializou ao lado de um piloto atônito e declarou: “Nunca haverá outro acidente. Nós não vamos deixar isso acontecer“. Todos os avistamentos variados dos fantasmas de Loft e Repo compartilham algumas características, às vezes assustadoras e interessantes. Por um lado, as aparições sempre foram descritas como sendo incrivelmente realistas, parecendo carne e sangue reais de pessoas, em vez de um fantasma, entidades espectrais. Muitas vezes, os fantasmas haviam desaparecido ou a testemunha sequer percebeu que estavam vendo ou falando com um fantasma. Além disso, a grande maioria dos avistamentos foram feitos por várias testemunhas, a tripulação de voo, muitas vezes experimentou, e deu detalhes semelhantes em seus relatórios. Outro ponto interessante é que, aparentemente, os fantasmas de Loft e Repo nunca mais foram vistos nos mesmos voos. Talvez o mais assustador ao longo dos relatórios é a presença de peças recuperadas do Voo 401. A Eastern Airlines tinha alegadamente recuperado algumas das peças não danificadas do avião que caiu e eles tinham reciclados em outros Jatos Tristar Eastern L-1011 . Parece que talvez os fantasmas do vôo 401 foram com eles, como foi mais tarde apontado em particular, parecia produzir as maiores concentrações de assombrações e aparições dos tripulantes mortos. Todas as supostas aparições de fantasmas a bordo de vários vôos L-1011 foram notificados ao Flight Safety Foundation dos EUA, que registrou de forma que muitos dos relatórios que ela mencionados ficassem em um boletim de notícias, afirmando que “Os relatórios foram dadas por pilotos e tripulantes experientes e confiáveis. Nós os consideramos significativo. A aparência do engenheiro de vôo morto (Repo) … foi confirmada pelo engenheiro de vôo. “A própria Eastern Airlines fiou decididamente menos impressionada com as histórias, com o CEO na época, o ex-astronauta Frank Borman, condenau os rumores e histórias como” lixo . “A companhia aérea negou completamente os avistamentos como absurdos e também desencorajou a sério a disseminação de tais histórias de fantasmas entre a tripulação, mesmo indo tão longe a ponto de ameaçar de medida disciplinar ou demissão, se eles fossem encontrados discutindo as assombrações ou passando os rumores. Todos os esforços dos investigadores paranormais para chegar na parte inferior do fenômeno também foram prejudicados pela companhia aérea extremamente pouco cooperante, que estava tentando se distanciar de tais coisas, tanto quanto possível. Curiosamente, entre tudo isso negavam e evitam o assunto de aviões assombradas, Eastern Airlines aparentemente andou calmamente removendo todas as peças que tinham vindo do Voo 401. Assim que as partes se foram, foram os fantasmas, e não houve quaisquer outras aparições desde então. Eastern Airlines, eventualmente, foi liquidada em 1991, depois de anos de disputas trabalhistas e uma greve particularmente debilitante em 1989, mas, embora a companhia não existisse mais, seu legado como companhia aérea assombrada da América vive. O Curioso Caso de Voo 401 tornou-se um ícone em muitas discussões de assombrações modernas, e tem sido amplamente coberto em uma ampla variedade de mídias, de livros, de filmes, de programas de TV e até músicas. Há apenas algo sobre a idéia de aviões assombrado que parece alcançar um fato especial com as pessoas. A história do vôo 401 é também uma das assombrações mais atraentes lá fora, devido ao fato de que muitos dos relatos foram feitos por pessoas respeitadas, tripulação de voo sóbrias, com experiência em posições de alto nível, tais como altos pilotos, oficiais de vôo e engenheiros de vôo. Parece haver pouca razão para que mentir ou espalhar histórias assustadoras, especialmente quando suas reputações está em jogo, e durante a repressão do Oriente, até mesmo os seus empregos estavam em risco. Além disso, os avistamentos de fantasmas, que muitas vezes apareceram em plena vista de mais de uma pessoa, foram muito claros e detalhados, e muitas vezes feitos por vários testemunhas que foram capazes de corroborar plenamente com histórias uns dos outros. Se tudo isso é apenas um caso de pessoas que perpetuam uma lenda urbana e assustadora, então é um esforço bastante persuasivo. No final, não há nenhuma maneira de saber se havia alguma coisa acontecendo verdadeiramente paranormal a bordo de qualquer um desses voos. Tudo o que temos são os testemunhos oculares de muitas pessoas e detalhes curiosos, como peças recuperadas do voo 401, que poderiam ser mera coincidência ou sua importância exagerada. Extensas investigações e depoimentos de testemunhas por uma miríade de investigadores paranormais têm feito pouco para nos levar mais perto de compreender verdadeiramente o que está acontecendo aqui. Uma coisa é certa, embora; é certamente um caso intrigante e bizarro que merece o seu lugar entre as fileiras das assombrações mais famosas do mundo. Então, da próxima vez que você estiver em um vôo, logo depois de fixado-se em e ajustado o seu lugar, você pode apenas querer olhar para ver se não há, um estranho olhando atordoado pálido sentado ao seu lado, talvez usando um uniforme da tripulação de voo . Se você encontrar um cavalheiro sentado ao seu lado, talvez seria uma boa idéia tocar nele para ter certeza se ele é real. Fontes: historicmysteries // oarquivo.com.br/oarquivo-inexplicado/5761-os-eventos-paranormais-do-voo-air-lines-401

terça-feira, 21 de abril de 2015

INTELIGÊNCIA EMOCIONAL: UMA HABILIDADE QUE NÃO SE APRENDE NA ESCOLA

A inteligência emocional descreve quão bem os indivíduos podem gerenciar suas próprias emoções e reagir às emoções dos outros. As pessoas que apresentam inteligência emocional têm habilidades muito necessárias, mas menos óbvias para se dar bem na vida, como saber gerenciar e resolver conflitos, entender e responder às necessidades dos outros e manter suas próprias emoções em cheque, de forma que elas não atrapalhem as suas vidas. Sua importância está clara, mas esse não é o tipo de coisa que se aprende na escola. Então, confira esse guia sobre a inteligência emocional e como você pode tentar desenvolvê-la:

As 5 áreas-chave da inteligência emocional

Medir a inteligência emocional é algo relativamente novo no campo da psicologia. Vários modelos estão sendo desenvolvidos atualmente, mas neste artigo vamos examinar o que é conhecido como o “modelo misto”, desenvolvido pelo psicólogo Daniel Goleman. Esse modelo de inteligência emocional tem 5 áreas-chave: - AUTOCONHECIMENTO: envolve conhecer os seus próprios sentimentos, o que inclui ter uma avaliação precisa do que você é capaz de fazer, de quando você precisa de ajuda, e de quais são seus gatilhos emocionais. - AUTOGESTÃO: trata-se de ser capaz de manter suas emoções sob controle quando você está perturbado, incluindo ser capaz de controlar explosões, calmamente discutir divergências e evitar atividades que te coloquem em períodos de autopiedade ou pânico. - MOTIVAÇÃO: todo mundo é motivado por recompensas, como dinheiro ou status, mas o modelo de Goleman refere-se a motivação para o bem da alegria pessoal, curiosidade ou satisfação de ser produtivo. - EMPATIA: essa categoria refere-se às emoções dos outros. Empatia é a habilidade e prática da leitura das emoções dos outros, para responder adequadamente. - HABILIDADES SOCIAIS: esta categoria envolve a aplicação de empatia, bem como saber negociar as necessidades dos outros e equilibrá-las com suas próprias. Isso pode incluir encontrar um terreno comum com os outros, gerenciar relações em um ambiente de trabalho e ser persuasivo.

Autoconhecimento

Antes de qualquer coisa, é preciso se conhecer, saber quais são suas emoções. Veja algumas maneiras de melhorar a sua autoconsciência: - Mantenha um diário: comece escrevendo um diário de suas emoções. No final de cada dia, anote o que aconteceu com você, como você se sentiu e como lidou com isso. Periodicamente, leia seu diário e tome nota das suas tendências, e dos momentos em que você exagerou em alguma coisa. - Pergunte aos outros sobre você: a percepção dos outros pode ser inestimável. Tente perguntar a várias pessoas que o conhecem bem quais são seus pontos fortes e fracos. Anote o que eles dizem, compare a fala de uns e outros e, mais uma vez, procure padrões. Não discuta com ninguém. Eles não precisam estar corretos, essa é apenas uma avaliação sua de outro ponto de vista. - Tenha calma e medite: as nossas emoções costumam nos tirar do controle quando não temos tempo para processá-las. Assim, a próxima vez que você tiver uma reação emocional a alguma coisa, tente fazer uma pausa antes de agir. Você também pode tentar meditar para se acalmar, ou respirar profundamente para reganhar controle.

Autogestão

Uma vez que você sabe quais são suas emoções, você pode começar a descobrir como lidar com elas. Uma maneira chave para controlar suas emoções é quebrar a rotina de alguma maneira. Você provavelmente já ouviu o velho conselho de contar até dez e respirar quando você está com raiva. Este conselho não funciona para todos. Se é bom para você, ok. Use-o. Se não, você pode tentar “se sacudir” para quebrar um velho ciclo. Se você está se sentindo letárgico, faça algum exercício. Faça qualquer coisa diferente do que está fazendo, para tirar sua mente do que o incomoda. Canalizar energia emocional em algo produtivo também pode funcionar. Por exemplo, se você sai do sério quando perde uma partida de tênis, em vez de espiralar em raiva e descontar em si e nos outros, use essa raiva para praticar mais e ficar melhor. Você não pode sempre controlar o que te faz se sentir de certa maneira, mas você sempre pode controlar como reage. Se você tem problemas de controle de impulso, aproveite aqueles momentos em que seus sentimentos estão um pouco menos intensos para procurar ajuda profissional.

Motivação

No que se refere à inteligência emocional, motivação é seu deseje de realizar algo. O cérebro entende esse desejo: uma seção de seu córtex pré-frontal se acende com o simples pensamento de alcançar um objetivo significativo. Pessoas motivadas realizam ações em busca de seus objetivos. Se querem casar, saem para conhecer pessoas, se querem avançar na carreira, fazem cursos de especialização e assim por diante. Daniel Goleman sugere que, a fim de começar a fazer uso dessa motivação, as pessoas primeiro identifiquem seus próprios valores, para não acabar fazendo coisas que contradigam diretamente o que elas acreditam. Infelizmente, não podemos dizer a ninguém o que eles querem na vida, mas existem muitas estratégias que as pessoas podem usar para descobrir. Por exemplo, ler seu diário para encontrar momentos em que você se sentiu realizado, ou criar uma lista das coisas que você valoriza, ou ainda ter metas de sucessos menores que você sabe que pode alcançar são boas formas de conhecer seus valores, sonhos e de se manter motivado. Além disso, lembre-se que todos os que conquistaram algo o fizeram lentamente, então tenha paciência.

Empatia

Suas emoções são apenas metade de todos os seus relacionamentos. Todas as outras pessoas que são importantes para você têm seu próprio conjunto de sentimentos, desejos e medos. Empatia é a habilidade mais importante para navegar esses relacionamentos. Veja dicas para praticá-la: - Cale-se e ouça: você não pode experimentar a vida de todo mundo para compreendê-los totalmente, mas você pode ouvir. Deixe alguém falar e não o contrarie em seguida. Esqueça seus preconceitos ou ceticismo e permita que a pessoa com quem você está falando explique como ela se sente. - Tome uma posição contrária à sua própria: assuma uma posição contrária de vez em quando. Se você acha que seu chefe não está sendo razoável, tente defender suas ações na sua cabeça. Será que você acharia essas mesmas ações razoáveis se estivesse no lugar dele? É importante levar em conta pontos de vista diferentes. - Não basta saber, tente entender: a compreensão é fundamental para ter empatia. Isso vai além de dizer: “Eu sei, mas…”. Quando alguém fala sobre uma experiência que não é a sua própria, leva algum tempo para meditar sobre como sua vida poderia ser diferente se você experimentasse a mesma coisa em uma base diária. Procure saber mais sobre o assunto antes de opinar. Tudo bem se você não gastar todo o seu tempo tentando compreender a vida de outra pessoa, mas não custa realmente pensar sobre o que ela diz de vez em quando, em vez de automaticamente assumir que você “entende” o que ela está passando.

Habilidades sociais

Resumir todas as habilidades sociais em uma seção de um artigo seria impossível. Essa competência toma muitas formas – de ser capaz de entrar em sintonia com os sentimentos de outra pessoa a entender como ela pensa sobre as coisas, de ser um grande colaborador a saber trabalhar em equipe etc. Todas essas habilidades podem ser melhoradas – e ter um mentor, um exemplo, pode ser útil. Vamos nos concentrar em uma das mais necessárias habilidades sociais para a vida: resolver um conflito. Para isso, você precisa: - Identificar e lidar com as suas emoções: conflitos geralmente são estressantes. Lide com suas emoções antes de tentar resolvê-los. Tome tempo para desabafar antes de retornar ao problema. No caso de um relacionamento romântico, também é bom lembrar seu parceiro de que você se preocupa com ele antes de criticá-lo. - Entenda qual é o verdadeiro problema: com todos calmos, antes de saltar para as soluções, é bom que você e a outra pessoa concordem sobre quais são realmente os problemas. Propor soluções que sejam mutuamente benéficas e ser solidário com qualquer concessão que a outra pessoa não esteja disposta a fazer também são importantes. - Termine em um tom cooperativo: relacionamentos funcionam melhor quando todos os envolvidos sabem que estão em sintoma. Mesmo que você não possa terminar uma discussão com uma nota positiva, certifique-se que a última intenção de se comunicar é cooperativa. Deixe seu chefe/colega/amor saber que você quer trabalhar no mesmo objetivo, ainda que vocês tenham pontos de vista diferentes. fonte: lifehacker.com/emotional-intelligence-the-social-skills-you-werent-ta-1697704987

CONHEÇA 15 DICAS SEXUAIS QUE FUNCIONAM REALMENTE

Ao invés de comprar revistas adultas ou acreditar em e-mails com apresentações de Power Point duvidosas, que tal receber dicas de sexo realmente úteis que tem alguma base verdadeira? Foi a ciência que disse que...

1. Usar meias durante o sexo aumenta a libido

Usar meias durante o sexo pode aumentar significativamente suas chances de ter um orgasmo. Foi o que descobriu um estudo holandês, pelo menos. Ao que tudo indica, o frio é um grande estraga-prazeres para ambos os sexos. Particularmente, a mulher precisa se sentir segura e relaxada antes da excitação, e a meia tem tudo a ver com conforto. Vai entender.

2. Sorrir menos torna homens mais sexualmente atraentes. O oposto ocorre com mulheres

Sociólogos da Universidade British Colombia, no Canadá, realizaram um estudo que mostrou homens que sorriem são vistos como menos atraentes pelas mulheres do que homens que optam por uma expressão mais séria ou arrogante. Por outro lado, homens adoram mulheres que sorriem. Os resultados parecem indicar que homens que sorriem são considerados mais femininos e menos dominantes, portanto menos sexualmente desejáveis. Já para os homens, é interessante que as mulheres pareçam exatamente femininas e menos dominantes.

3. Tomar sol aumenta a libido e o desejo sexual

A exposição da pele à luz solar por apenas 15 a 20 minutos pode aumentar os níveis de testosterona em 120% nos homens, segundo pesquisadores. O hormônio pode aumentar em até 200% quando a pele genital é exposta ao sol. E não precisamos explicar que testosterona é capaz de aumentar a libido e o desejo sexual, né?

4. Sue mais (se for homem) para deixar as mulheres no “clima”

A androstenodiona é um componente do suor masculino derivado da testosterona. Uma pesquisa da Universidade de Chicago mostrou que ele tem o efeito de manter ou aumentar o clima positivo em mulheres que inalam a química. “As respostas das mulheres no estudo foram melhora do humor e excitação sexual um pouco maior. As mulheres também responderam com um aumento da pressão arterial, frequência cardíaca e respiratória. Isso durou cerca de uma hora, se as mulheres inalaram a androstenodiona durante quinze minutos ou mais”, explica a Dra. Claire White, uma das cientistas do estudo.

5. Tenha uma barriguinha (se for homem) para aguentar mais na cama

Uma pesquisa da Universidade de Erciyes em Kayseri, Turquia, mostrou que os homens com barrigas maiores são melhores amantes. Os com excesso de peso e barrigas óbvias duram em média 7,3 minutos a mais na cama do que os sarados. Os especialistas sugerem que mais gordura ao redor da área do estômago pode significar mais estradiol, um hormônio sexual feminino que ajuda a inibir o orgasmo nos homens.

6. Tenha uma barba média para atrair as mulheres

Diversos estudos já demonstraram que as mulheres curtem uma barba média – esse tipo de barba (ao contrário de rostos totalmente barbeados ou com uma barba enorme) são os preferidos do sexo feminino. Provavelmente porque indica maturidade sexual, sem a agressão que uma barba muito cheia sugere.

7. Faça exercícios de Kegel

Ambos homens e mulheres possuem músculos do assoalho pélvico. Esses músculos estão localizados na região entre as pernas, a partir do osso púbico na frente até a base da espinha nas costas. Quando estão fracos ou afetados de alguma forma, eles não fazem seu trabalho de forma eficiente, chegando a causar incontinência urinária e redução no prazer sexual, por exemplo. Principalmente para as mulheres, fortalecer os músculos do assoalho pélvico aumenta a chance de se chegar ao orgasmo e ter uma vida sexual mais satisfatória. Os exercícios de Kegel podem ajudar com isso. Para localizar esta musculatura na pélvis, você pode parar, durante o ato de urinar, nomeio do caminho. Então a exercite enrijecendo-a e soltando (quando você não estiver urinando). Faça isso todos os dias, várias vezes ao dia.

8. Procure homens que gostem de comida apimentada

Já estabelecemos que altos níveis de testosterona podem ser uma coisa boa no que diz respeito ao sexo. Se você está procurando um homem com mais testosterona, repare no seu gosto por comida apimentada. Um estudo da Universidade de Grenoble, na França, descobriu que homens que gostam mais de comida picante são também os com maiores níveis do hormônio.

9. Use vermelho

Vários estudos mostraram que homens e mulheres acham potenciais parceiros mais atraentes quando estes estão vestindo vermelho – considerada a cor do amor. Homens de vermelho são vistos como tendo um status social mais elevado, com mais probabilidade de serem mais bem sucedidos. Mulheres de vermelho são vistas como mais sexys e mais propensas a fazer sexo.

10. Faça exercícios junto com seu interesse romântico

O exercício físico induz sintomas de excitação fisiológica – mãos suadas, pulso acelerado, falta de ar. Estes sintomas espelham, de muitas maneiras, a emoção da atração romântica. Curiosamente, as pessoas podem facilmente confundir os dois e pensar que sua excitação física é de fato atração romântica. Utilize este fenômeno para a sua vantagem, convidando o seu interesse romântico para treinar com você.

11. Tenha um orgasmo para aliviar a enxaqueca

Dor de cabeça não é mais desculpa para não fazer sexo; é uma boa desculpa para fazer sexo. Pesquisadores da Universidade de Munster, na Alemanha, descobriram que a atividade sexual foi bem sucedida no tratamento de enxaquecas em 60% dos participantes. Isso porque o sexo libera endorfinas, que são analgésicos naturais. Masturbação ou qualquer outra atividade sexual também podem ser capazes de se aliviar dores de cabeça em algumas pessoas.

12. Brinque com um bebê para conseguir o telefone de mulheres

Em um estudo, um homem interagiu com um bebê, conversando, brincando, sorrindo e dando beijos na criança. Depois que sua “irmã” saiu, o homem iniciou uma conversa com mulheres aleatórias, pedindo seu telefone. Na segunda parte do estudo, o mesmo homem não interagiu com o bebê (ignorou-o) e depois tentou conseguir o telefone de mulheres. Quando o homem brincou com o bebê, 40% das mulheres deram-lhe seus números de telefone, em comparação com apenas 12% quando o cara ignorou o bebê. Provavelmente, é vantajoso para as mulheres achar atraente um homem que é bom com bebês.

13. Procure pessoas com boa autoestima e confiança

Pessoas que se comunicam melhor e compreendem as emoções de outra pessoa são mais propensas a ter uma vida sexual satisfatória. Atributos pessoais como a autoestima e autonomia também desempenham um papel no prazer sexual. Níveis mais elevados de autoestima, autonomia e empatia foram associados com maior prazer sexual em mulheres. Nos homens, a autonomia foi positivamente correlacionada com a frequência do orgasmo, enquanto maior autoestima estava ligada ao prazer de dar sexo oral. Então, já sabem, mulheres: procure um cara confiante para receber um bom tratamento.

14. Cheire torta de abóbora e lavanda para aumentar o fluxo sanguíneo no pênis e na vagina

O neurologista Alan R. Hirsch, de Chicago (EUA), queria descobrir que aromas causavam excitação sexual. Ele chegou à conclusão de que a combinação de lavanda e torta de abóbora apresentou a maior excitação mensurável nos homens, aumentando o fluxo de sangue no pênis por uma média de 40%. Também aumentou o fluxo sanguíneo vaginal em 11%. Os cheiros de bolo de canela, alcaçuz e donuts também eram bons para os homens, aumentando o fluxo de sangue no pênis por 31,5%. Para as mulheres, o odor mais eficiente foi “Good & Plenty”, um doce de alcaçuz, ou uma combinação de alcaçuz e pepino, que causou um aumento de 13% no fluxo de sangue vaginal.

15. Dê um bom beijo para despertar o desejo

Apesar de nós não encararmos dessa maneira, pelo menos não frequentemente, os lábios são a zona erógena do corpo mais exposta. Cheios de terminações nervosas, um simples toque pode enviar uma cascata de informações para o cérebro, ajudando-nos a decidir se queremos continuar com um beijo (e relacionamento) ou não. Psicólogos da Universidade Estadual de Nova York (EUA) divulgaram que 59% dos homens e 66% das mulheres terminaram um relacionamento devido ao beijo. Por isso, capriche nesse momento íntimo: ele é a porta de entrada para muito mais. fonte: cracked.com/photoplasty_1236_21-sex-tips-that-science-says-actually-work_p2/

CONHEÇA 6 DOENÇAS BIZARRAS QUE PARECEM IMPOSSÍVEIS, MAS SÃO REAIS

O corpo é verdadeiramente insuperável em sua capacidade de desencadear novos horrores quando menos esperamos. Para que você esteja preparado, e para que os hipocondríacos tenham algo novo com o qual se obcecar, queremos que vocês saibam que…

1. Você pode inchar como um balão sem aviso

Se pudéssemos revisitar o assunto de “palavras que nunca queremos ouvir de um médico”, provavelmente adicionaríamos “vazar” à lista. Se é uma coisa que você não quer que seu carro ou sua geladeira façam, é uma coisa que você não quer fazer. Caso contrário, você pode acabar com algo como a doença de Clarkson, também chamada de síndrome de extravasamento capilar sistêmico. A condição é o que acontece quando seus vasos sanguíneos começam a vazar plasma à toa. Isso não significa que você vai sangrar o tempo todo. Na verdade, todo esse fluido extra vai parar nos tecidos esponjosos de sua pele e órgãos vitais. Então você começa a expandir como um balão. Episódios geralmente levam cerca de três dias para chegar a um pico, tempo durante o qual você vai passar a se parecer com uma beluga. O único tratamento é esperar. E, caso você não esteja aterrorizado o suficiente, fique sabendo que todo episódio tem o potencial de ser fatal – a qualquer momento, um de seus órgãos vitais pode explodir. Dissemos “episódios” porque, depois do primeiro ataque, você vai passar o resto de sua vida inflando e desinflando aleatoriamente, como se tivesse sido amaldiçoado por algum feiticeiro poderoso que te ouviu fazendo piadas de gordo sobre ele. Os cientistas sabem aproximadamente nada sobre a doença. Os casos são tão raros que, provavelmente, não vamos descobrir mais nada em breve também. O que sabemos (e que não é nada animador) é que não há um padrão quanto a quem e quando a condição ataca, embora os pesquisadores creiam que ela geralmente se desenvolve após uma infecção do trato respiratório superior. Ou seja, o próximo resfriado que você pegar pode ser o que vai o transformar em um saco inchado de plasma e pesadelos.

2. Você pode perder completamente sua capacidade de dormir

Rhett Lamb era um menino de 3 anos de idade normal, com uma leve exceção: não dormia. E quando dizemos que não dormia, não queremos dizer que tinha dificuldade e ficava se revirando à noite. Queremos dizer que ele, literalmente, nunca dormia. Não era nada que os pais de Rhett tinham feito. Na verdade, a criança sofria de uma malformação de Chiari, uma condição muito rara em que parte do seu cérebro é esmagada pela coluna vertebral em vez de ficar em seu crânio, como um bom pequeno cérebro deveria. Especificamente, isso acontece com a parte do cérebro responsável por funções cruciais corporais, como a fala e o sono. Tal como acontece com tantas condições em que o nosso cérebro renega sua obrigação, os cientistas não sabem exatamente por que isso acontece. Felizmente, a doença é muitas vezes tratável. No caso de Rhett, cirurgiões removeram certos ossos extras, fazendo com que seu cérebro voltasse ao seu lugar correto e permitindo que Rhett montasse dinossauros em seus sonhos pela primeira vez na vida. Se ele tivesse sido menos afortunado, poderia simplesmente ter esquecido de fazer outras funções corporais essenciais, como respirar.

3. Palavras escritas de repente podem se transformar em uma confusão completa

Imagine que, em uma bela manhã, você pegue o jornal na frente de sua casa só para descobrir que não consegue lê-lo. As letras estão lá, mas tão embaralhadas e sem sentido para você que você olha pela janela para ver se não foi teletransportado para o Japão. Não é o caso. Então, você pega seu celular para ler as notícias, e descobre que ainda não consegue ler nada. Isso foi precisamente o que aconteceu com Howard Engel, um escritor que se deparou com essa condição bizarra em 2001. O que foi a causa dessa maluquice? Um derrame. Um acidente vascular cerebral afetou a área visual no lado esquerdo de seu cérebro. E, mesmo que Engel não pudesse ler uma palavra, ainda podia escrever. O termo técnico para essa condição é alexia sem agrafia – para simplificar, é o que acontece quando uma parte específica do seu cérebro (a que permite a leitura) se desconecta. Se você está interessado em saber quão provável isso é de acontecer com você, bom, pouquíssimo, tendo em vista que é o resultado de uma pequena explosão em uma parte muito específica do cérebro. Mas, se acontecer, pelo menos você já sabe o que é – não precisa sair correndo e gritando em pânico.

4. Seus olhos podem começar a ver o passado

Sabe aqueles negativos os quais você pode encarar por 30 segundos e depois desviar os olhos, para realmente ver a imagem que eles representam? Como esse do Che Guevara: condições medicas bizarras 4- Agora, imagine que a pós-imagem que flutua na frente de seu olho não desaparece, mas sim dura dias ou mesmo semanas? Isso, meninos e meninas, é palinopsia. Palinopsia é um termo genérico para uma gama de maus funcionamentos cerebrais que podem fazer com que imagens “grudem” no cérebro. Em um caso, médicos descobriram um tumor cerebral em um homem de 73 depois que ele perguntou a sua esposa quem tinha saído da sala (o que tinha acontecido 15 minutos mais cedo). Sim, seus olhos tinham-lhe dado uma forma muito específica e inútil de viagem no tempo. Como isso é possível? Bem, nós vemos com o cérebro, não com os olhos. E, às vezes, o cérebro faz caca. Por exemplo, cerca de 20 a 30% das pessoas que perdem a visão acabam tendo alucinações visuais mais tarde – de formas geométricas aleatórias a cenas de animais complexos. Essa é a chamada síndrome de Charles Bonnet, em homenagem a um cara que, no final do século 18, catalogou as visões de seu avô cego, que incluíam desde edifícios a aves. A condição ocorre com muitas pessoas de outra forma saudáveis – é só seus cérebros tentando preencher as lacunas de informação que os olhos sempre foram encarregados de preencher (da mesma forma que um amputado às vezes relata sensações em um membro fantasma).

5. Você pode se transformar de repente em um Smurf da vida real

Argiria é o que acontece quando uma pessoa tem excesso de prata coloidal em seu sistema. A prata é uma daquelas substâncias que seu corpo simplesmente não sabe o que fazer com ela. Então, ao invés de defecar joias, a solução que ele encontra é depositar essa prata em sua pele, olhos e mucosas. Resultado? Você vê acima. É isso mesmo: quando prata suficiente se acumula no seu corpo, você parece um figurante daquele filme de James Cameron que o mundo inteiro assistiu, mas já esqueceu. Ainda não há tratamento para a condição. Uma vez que se estabelece, prepare-se para uma vida inteira se parecendo como um negativo fotográfico. E não pense que você está livre da argiria porque não trabalha em uma mina de prata nem engoliu nenhum anel recentemente. Nas últimas décadas, a prata coloidal tem sido apontada como uma verdadeira maravilha da medicina alternativa, com seus defensores alegando que cura tudo, desde alergias a um caso crônico de coceira na bunda. A Administração de Drogas e Alimentos americana desaprova oficialmente a prata coloidal em medicamentos, mas, devido às suas propriedades antimicrobianas, a substância é encontrada em vários itens de uso comum, como meias, curativos e colírios. Mas tenha calma: é preciso uma overdose maciça do material para ativar o Modo Smurf.

6. Seu rosto pode ser chupado para dentro um dia

A síndrome de Parry-Romberg faz com que a pele e os tecidos moles de metade de seu rosto lentamente sejam encolhidos, ou seja, chupados para dentro. Por que apenas metade? Boa pergunta. E como só te desfigurar não é suficiente (obviamente), a síndrome também descolore a pele, afunda seu globo ocular para trás em seu crânio, e faz com que a sua mandíbula pare de abrir corretamente. Alguns azarados ainda experimentam efeitos colaterais adicionais como enxaquecas, convulsões e espasmos musculares na metade da face que é supostamente normal. Se por acaso a única coisa que te incomoda sobre Parry-Romberg é a sua forma assimétrica, permita-nos mostrar-lhe a lipodistrofia. Lipodistrofia se traduz em “perda de gordura”, o que normalmente pensamos que é uma coisa boa, mas não é. Aparentemente, uma boa camada de gordura é o que dá a sua cara tudo o que a torna reconhecível, como bochechas e lábios. A lipodistrofia é um efeito colateral comum de medicamentos antirretrovirais potentes, o que significa que mesmo depois de ter contraído o HIV, o universo ainda não está completamente contente em te ferrar. Mas ninguém está livre da condição evitando o HIV. Existem dezenas de fatores, de causas ambientais a genéticas, que podem levar à doença. fonte: cracked.com/article_22250_6-bizarre-medical-conditions-that-shouldnt-be-possible_p2.html

DARK WEB: SAIBA O QUE É E O QUE PODE FAZER COM ELA

Você acha que conhece a Internet. Mas sites como Facebook, Amazon e Instagram são apenas a superfície. Há todo um outro mundo além: a Deep Web.
É um lugar onde a informação on-line está protegida por senha, presa atrás de paredes, ou requer um software especial para acessá-lo – e o lugar é enorme. Segundo algumas estimativas, é 500 vezes maior do que a Surface Web, que a maioria das pessoas busca diariamente. No entanto, está quase completamente fora de vista. De acordo com um estudo publicado na revista Nature, o Google indexa não mais do que 16% da Surface Web e perde toda a Deep Web. Para qualquer pesquisa feita aparece apenas 0,03% da informação que existe on-line (uma em cada 3.000 páginas). É como pescar nos dois primeiros pés do oceano, você perde toda a “Fossa das Marianas virtual” abaixo. Grande parte do material não indexado da Deep Web encontra-se em bancos de dados mundiais, tais como o LexisNexis ou os rolos do Escritório de Patentes dos Estados Unidos. Mas, como uma boneca matrioska russa, a Deep Web contém um mundo ainda mais escondido, uma comunidade menor, mas significativa, onde os agentes maliciosos se unem com um propósito comum para o mal. Bem-vindo à Dark Web, às vezes chamada de Darknet, um vasto submundo digital onde hackers, gangsteres, terroristas e pedófilos vão para oferecer seu comércio. O que se segue é apenas uma amostragem superficial dos bens e serviços disponíveis dentro dos recessos mais sombrios da Internet.

Coisas que você pode comprar:

1. Drogas Quantidades individuais ou ao nível de traficantes de drogas ilícitas e prescrição de todos os tipos estão disponíveis no submundodigital. The Silk Road (A Rota da Seda), a superloja de drogas, atualmente fechada, fez 200 milhões de dólares em negócios durante 28 meses. 2. Falsificação de moeda Dinheiro falsificado varia muito em qualidade e custo, mas euros, libras, ienes, todos eles estão disponíveis. Por 600 dólares, você recebe 2500 dólares em notas falsificadas, com a promessa de passarem por canetas e testes de luz ultravioleta. 3. Documentos forjados Passaportes, carteiras de motorista, documentos de cidadania, identidades falsas, diplomas universitários, documentos de imigração e até mesmo cartões de identificação diplomática estão disponíveis em mercados ilícitos, como na Onion Identity Services. Uma carteira de motorista dos EUA custa cerca de 200 dólares, enquanto passaportes dos EUA ou do Reino Unido são vendidos por alguns milhares de dólares. 4. Armas de fogo, munições e explosivos Armas como pistolas e explosivos C4 são possíveis de conseguir na Dark Web. Vendedores enviam seus produtos em embalagens especialmente protegidas para evitar raios-x ou enviam componentes de armas escondidos em brinquedos, instrumentos musicais ou eletrônicos. 5. Pistoleiros Prestadores de serviço, incluindo uma empresa com o nome do monstro C’thulhu, do escritor H.P. Lovecraft, anunciam “soluções permanentes para os problemas comuns”. Para tudo, desde rancores privados até assassinatos políticos, esses pistoleiros aceitam bitcoin como forma de pagamento e fornecem prova fotográfica do ato. 6. Órgãos humanos Nos cantos mais escuros da Dark Web, um vibrante e horrível mercado negro de órgãos vivos prospera. Rins podem custar 200 mil dólares, corações 120 mil dólares, fígados 150 mil dólares e um par de olhos 1.500 dólares.

Como os criminosos trabalham na Internet:

1. Moeda criptografada O dinheiro digital, como o bitcoin e o darkcoin, e o sistema de pagamento Liberty Reserve fornecem um sistema conveniente para os usuários gastarem dinheiro on-line, mantendo suas identidades do mundo real escondidas. 2. Serviços de hospedagem de Web “à prova de bala” Alguns serviços de hospedagem em lugares como a Rússia ou a Ucrânia acolhem todo o conteúdo, sem fazerem nenhuma questão de saber as verdadeiras identidades de seus clientes, aceitando pagamentos anônimos em bitcoin, e rotineiramente ignorando os pedidos de intimação de aplicação de uma lei. 3. Computadores nas nuvens Ao hospedar seu malware criminoso em empresas de renome, os hackers são muito menos propensos a ver o seu tráfego bloqueado por sistemas de segurança. Um estudo recente sugere que 16% dos canais de distribuição de malware e ataques cibernéticos originaram-se da nuvem da Amazon. 4. “Crimeware” Criminosos menos qualificados podem comprar todas as ferramentas de que precisam para identificar vulnerabilidades do sistema, roubar identidades, comprometer servidores e roubar dados. Foi um hacker que, com apenas um kit de ferramentas, invadiu o sistema de ponto-de-venda da Target, em 2013. 5. Hackers para aluguel Organizações de cibercrimes terceirizam hackers de aluguel. O grupo Hidden Lynx, da China, possui até 100 ciberladrões profissionais, alguns dos quais são conhecidos por terem penetrado sistemas do Google, Adobe e Lockheed Martin. 6. Call Centers multilíngues do crime Os funcionários irão desempenhar qualquer papel que você quiser, como o fornecimento de referências de emprego e de educação, iniciando transferências bancárias e desbloqueando contas hackeadas. As chamadas custam cerca de 10 dólares.

Como acessar os artigos da Dark Web:

1. Navegador anônimo Tor – sigla para The Onion Router – é um dos vários programas de software que fornecem uma porta de entrada para a Dark Web. O Tor redireciona os sinais através de 6.000 servidores para ocultar a origem de uma solicitação de página, fazendo cliques em coisas ilícitas quase impossíveis de serem rastreados. Ele usa páginas secretas com o sufixo .onion – em vez de .com – que são acessíveis apenas com um navegador Tor. 2. Buscadores secretos Em meados de 2014, um hacker criou o Grams, o primeiro buscador da Dark Web. O Grams permite que os criminosos procurem drogas, armas e contas bancárias roubadas em vários sites escondidos. Ele inclui ainda um botão “Estou com sorte” e anúncios segmentados onde traficantes competem por cliques. 3. Enciclopédia criminal Uma espécie de enciclopédia cuidadosamente organizada lista sites escondidos por categoria, como Criminosos, Mercados, Vírus e Drogas. As descrições de cada link ajudam novatos curiosos a encontrarem seus itens ilícitos desejados. 4. Chats ocultos Assim como no mundo real, os criminosos online procuram para obter o material mais “perigoso”, que deve ser atestado antes que eles possam transacionar. Uma rede de salas de chat e fóruns somente para convidados, escondida atrás de endereços alfanuméricos da Web não listados, fornece acesso aos círculos mais criminosos. fonte: curioso.blog.br/post/dark-web-revelada/

HÁ ÁGUA LÍQUIDA LOGO ABAIXO DA SUPERFÍCIE DE MARTE

Cada vez mais temos visto evidências de que o nosso sistema solar está inundado de H2O. Agora, depois de inúmeras grandes revelações de oceanos líquidos ao longo da nossa casa celestial, parece que Marte pode ter água líquida perto de sua superfície também. Não é nenhum mistério que o planeta vermelho tem água. Marte tem duas calotas polares cobertas de gelo durante todo o ano. Mas, pela primeira vez, a sonda Curiosity, da Nasa, encontrou evidências de que pode existir água em estado líquido, capaz de sustentar vida. A pequena máquina nômade, que tem perambulado em torno de Marte durante os últimos dois anos e meio, recentemente descobriu no solo marciano a substância perclorato de cálcio. Isso é significativo, dado o relacionamento do perclorato com água. Perclorato de cálcio [Ca(ClO4)2] pode absorver vapor de água da atmosfera em condições adequadas. E quando ele é misturado com H20, o composto diminui o ponto de congelamento da água, permitindo que ela exista na forma líquida a temperaturas muito baixas. Neste estado líquido, a água é considerada salgada, uma solução extremamente salina. De acordo com Morten Bo Madsen, um dos principais pesquisadores no artigo publicado na Nature, a estação de monitoramento meteorológico da Curiosity descobriu que durante a noite e logo após o nascer do sol no inverno, as condições são propícias para o perclorato absorver água da atmosfera marciana.
“Quando a noite cai, parte do vapor de água na atmosfera se condensa na superfície do planeta como geada, mas o perclorato de cálcio é muito absorvente e forma uma salmoura com a água, por isso, o ponto de congelamento é reduzido e a geada pode se transformar em um líquido”, disse Madsen, professor associado e chefe do Grupo de Marte do Instituto Niels Bohr.
Os pesquisadores acreditam que, sendo o solo marciano tão poroso, a água escoa para baixo da superfície, combinando com outros sais para se mover abaixo do solo. A descoberta de perclorato também coincide com novas fotos em close que a Curiosity tirou de seu atual lar, a cratera Gale (imagem destaque), apresentando grandes extensões de depósitos sedimentares. Madsen e sua equipe admitem a hipótese de que esses depósitos se formaram quando feixes de água desciam a encosta da cratera, se reunindo no meio para formar um lago. Os pesquisadores afirmam que Marte já foi o lar de cerca de 6,5 vezes a quantidade de água que tem lá hoje, há cerca de 4,5 bilhões de anos atrás. Se você ainda está se recuperando da previsão da NASA para um dia encontrar vida dentro do nosso sistema solar, não há chance de tal descoberta ser feita em Marte. O ambiente marciano é muito inóspito e cheio de radiação para abrigar micróbios. Mas, claro, há sempre a possibilidade de encontrarmos vida que nós nunca havíamos sondado antes. FONTE: curioso.blog.br/post/agua-liquida-superficie-marte/

MATERIAL MAIS FORTE DA NATUREZA: DENTE DE LAPA TIRA O TÍTULO DA TEIA DE ARANHA

O mais forte material biológico no mundo rivaliza com a força necessária para transformar carvão em diamante. Ele não vem de uma das maiores criaturas, mas sim, dos pequenos dentes de um caracol do mar, a lapa. Até agora, a seda da aranha tinha reinado suprema como o material biológico mais forte. Mas, engenheiros do Reino Unido descobriram que os dentes que cobrem a língua da lapa (imagem destaque), um caracol aquático, tem uma resistência à tração cerca de cinco vezes maior do que a maioria das teias de aranha. O achado foi publicado no Journal of the Royal Society Interface. Lapas precisam de dentes super fortes, porque elas se penduram em rochas ao longo da beira-mar usando-os. Elas também usam os dentes para raspar algas das rochas para se alimentarem, muitas vezes pegando pedaços de rocha no processo. Os dentes são feitos de nanofibras minerais que fazem parte de uma matriz de proteína. O material é 100 vezes mais fino em diâmetro do que um cabelo humano, e pode suportar as tensões de até 3,0-6,5 gigapascais. Imagine um fio de espaguete segurando cerca de 1600 kg e você terá uma ideia, disse Asa Barber, principal autor.
Mas não espere ver em breve brocas ou coletes à prova de balas de dentes de lapa. Embora possa ser possível usar o material para fazer obturações dentárias, no futuro, os engenheiros estão mais interessados ​​em inventar seu próprio material inspirado no caracol do mar. FONTE: curioso.blog.br/post/dente-lapa-destrona-teia-aranha-material-forte-natureza/

sábado, 18 de abril de 2015

CONHEÇA NOVO MEDICAMENTO CONTRA O DIABETES

Pacientes que convivem com diabetes tipo 2 ganharam mais uma opção de tratamento para a doença. Acaba de chegar ao mercado um novo medicamento oral da classe dos inibidores de SGLT2, cujo mecanismo de ação permite a excreção do excesso de glicose pela urina. A empagliflozina (nome comercial: Jardiance), produzida pelos laboratórios Boehringer Interlheim e Eli Lilly, está sendo vendida ao preço médio de R$ 125(caixa com 30 comprimido). Testes clínicos realizados com 1616 pacientes de todo o mundo, mostraram que a empagliflozina também ajuda na redução do peso, uma vez que retira açúcar, ou seja, calorias do organismo. Pacientes que tomaram o medicamento na dose menor (10 mg) conseguiram perder 2,3 kg após 24 semanas de avaliação, e aqueles que usaram a dose maior (25 mg) emagreceram 2,5 kg no período.

Ação do medicamento

1. Situação normal: Nos rins, estruturas chamadas glomérulos filtram as moléculas de glicose presentes no sangue. No entanto, ao passar pelos túbulos proximais, a glicose é reabsorvida graças ação da proteína SGLT2. Isso ocorre para evitar que organismo perca energia. 2. Com a empagliflozina: A droga age como inibidora da SGLT2. Dessa forma, em vez de serem reabsorvidas para o organismo, as moléculas de glicose são eliminadas pela urina. O mecanismo ajuda no controle do excesso de açúcar em pacientes com diabetes tipo 2. Diariamente,o medicamento permite a eliminação de cerca de 78 gramas de açúcar - o equivalente a 6 colheres de sopa ou 312 calorias. 3. Indicação: A empagliflozina pode ser utilizada sozinha, quando a mudança de hábitos de vida não é suficiente ou quando a metformina (antidiabético)leva à intolerância; ou como terapia adicional, quando diferentes classes de medicamentos não são suficientes. Outras vantagens da droga comprovadas em estudo foram o controle da pressão arterial e a redução dos níveis de triglicérides (tipo de gordura ruim presente no sangue) e de ácido úrico. Todos estes fatores ajudam a diminui o risco de complicações do diabetes, sobretudo de problemas cardiovasculares. No entanto, a empagliflozina aumentou o risco de infecções genitais nos pacientes. - Foram episódios únicos, de fácil tratamento - diz o endocrinologista Douglas Barbieri, gerente médico do grupo da Eli Lilly. Segundo o nefrologista Artur Beltrame, a empagliflozina tem perda de eficácia em pessoas com disfunção renal moderada a grave. - É um remédio que precisa de um rim bom, senão a glicose não chega até ele para ser eliminada - explica Beltrame, professor da Universidade Federal de São Paulo. Ainda não existem estudos comparativos da eficácia da empagliflozina em relação a outros inibidores de SGLT2, como a dapagliflozina e a canagliflozina, que estão há mais tempo no mercado. A nova droga foi testada com administração uma vez ao dia. Os melhores efeitos foram vistos em pacientes de 45 a 65 anos, com sobrepeso e hipertensão. Para pessoas acima de 75 anos, indica-se cuidado pela propensão à desidratação e à perda da função renal. FONTE: Jornal EXTRA