Loading...

Total de visualizações de página

Postagens populares

sábado, 29 de março de 2014

CONHEÇA AS 7 CONDIÇÕES MAIS DOLOROSAS

Todos nós já tivemos dores na vida, por vezes tão fortes que sentimos estar incapacitados. Tendo em conta que a dor é uma experiência que depende de pessoa para pessoa, descrevemos aqui as 7 condições mais dolorosas. Por exemplo o cantor Vince Neil, da banda Motley Crue, já fez concertos com ossos quebrados e ligamentos rompidos, mas uma dor incapacitante obrigou-o recentemente a sair do palco. O culpado? Pedras nos rins. A pedra nos rins é uma das condições médicas mais dolorosas que seres humanos sofrem, dizem os especialistas, mas há dores ainda piores. Em geral, a dor neuropática - dor produzida por danos nos nervos, em vez de tecido - produz a dor mais excruciante, afirma Allan Basbaum, presidente do departamento de anatomia na Universidade da Califórnia. E porque muitas dessas condições vêm e vão, os pacientes muitas vezes vivem com medo do seu próximo ataque. Considerando que uma classificação definitiva é impossível, aqui está uma visão de algumas das doenças mais debilitantes em termos de dor. 7. DORES DE CABEÇA
As pessoas que sofrem de dores de cabeça em salvas descrevem a experiência com sendo pior do que um parto normal sem anestesia, do que ferimentos de bala, lesões na cabeça, ou uma mão queimada. Parte da aflição deste problema é que poucas pessoas sabem o que realmente são estas dores. Enquanto a enxaqueca afeta cerca de 15% da população, a cefaléia em salvas afeta apenas 0,1%. Ainda assim, é quase a mesma taxa que a esclerose múltipla. 6. PEDRAS NOS RINS
Vai uma dor intensa nos lados e nas costas, espalhando-se para a parte inferior do abdómen e passando pela virilha, combinada com náuseas, vómito e urina com mau cheiro? Não, obrigado. A boa notícia é que o tratamento – desde beber muita água até ao uso de ondas de choque para quebrar as pedras ou até cirurgia – geralmente funciona. 5. NEURALGIA DO TRIGÊMEO
Se você já ouviu falar deste distúrbio do sistema nervoso (e um dos grandes), você provavelmente ouviu alguém descrevê-lo como a pior dor do mundo. Esta condição afeta um nervo que envia informações sensoriais do rosto para o cérebro, resultando em pontadas no rosto. Os pacientes lembram-se para sempre de onde estavam e o que estavam a fazer na primeira vez que experimentaram a dor excruciante associada à patologia. Alguns pacientes respondem aos medicamentos; sendo a cirurgia reservada como último recurso, e nem sempre bem sucedida. Se os pacientes não são diagnosticados corretamente, eles geralmente arrancam os seus próprios dentes, devido a acreditarem que a dor está a vindo da sua boca. As pessoas em seu redor querem abraçar o paciente, mas elas não podem aproximar-se porque a dor fica pior. 4. LESÃO DA MEDULA ESPINHAL
Embora a pessoa possa estar paralisada e numa cadeira de rodas, 70% das pessoas com lesões na medula espinhal experimentam uma terrível dor no membro fantasma. Tal facto acontece porque a experiência da dor está no cérebro e mesmo na ausência do membro, ou órgão, a sua representação no cérebro pode desencadear o estimulo. 3. QUEIMADURAS
As queimaduras causam dor constante, que piora quando a pele é esticada ou apenas levemente tocada devido aos nervos danificados que ficam por baixo da pele queimada. Além disso, as limpezas regulares exigidas no tratamento geralmente envolvem uma dor adicional. 2. VESÍCULA BILIAR
Uma dor súbita que dura de 1 a 5 horas, acompanhada por febre e vómitos, pode sinalizar um ataque de vesícula biliar. Os sintomas são semelhantes às pedras nos rins, mas os cálculos biliares são feitos de colesterol, ao contrário do cálcio, como nos rins. Um estudo de 2011 publicado no Journal of Urology constatou que as pessoas que tem um ataque de vesícula biliar parecem ter um risco acrescido de ter outro, apesar da causa ser desconhecida. O peso e uma dieta saudáveis são formas de combater esses ataques. 1. PARTO
Cada experiência de nascimento de uma criança é tão diferente que é especialmente difícil de classificar, mas o trabalho de parto é, muitas vezes, utilizado com o barómetro no qual todas as outras dores são medidas. No entanto, e ao contrário de qualquer outra condição aqui mencionada, o parto tem uma grande vantagem associado ao nascimento de uma criança. Assim, após a dor excruciante vem a felicidade de um filho.. coisa que não acontece em qualquer outro tipo de dor. FONTE:Discovery News

Nenhum comentário: